Buscar
  • Adnan Brentan

Bom tempo X tempo de qualidade

Atualizado: 16 de ago. de 2021

"As pessoas reativas são afetadas somente pelo ambiente físico. Se o tempo está bom, eles se sentem bem. Caso contrário, mudam a atitude e performance. As pessoas proativas carregam o tempo dentro de si. Faça chuva ou faça sol, não interessa, elas avançam graças a seus valores." Stephen R. Covey


Quantas vezes você perdeu ou protelou a oportunidade de realizar algo especial e importante para você por acreditar não ter as condições ideais para tanto?

Algo já muito conhecido e repetido é a tendência de nos arrependermos mais por aquilo que deixamos de realizar, do que por aquilo que realizamos ainda que de forma imperfeita. Seja por medo, por insegurança, por preguiça, por pensar não estar suficientemente pronto ou simplesmente por achar que não tem as condições ideais deixamos de viver, aprender e crescer em várias ocasiões.



Eu estou aqui sentado na frente deste computador vivendo um destes momentos. Eu poderia estar realizando uma trilha linda e desafiadora mas o nosso "senhor sabe tudo" aplicativo de previsão do clima apontava para possibilidade de chuvas hoje. Por algumas imagens pequeninas de nuvens vertendo água numa pequena tela de 6,3 polegadas e uma cifra de 40% ou 42% de chance desta quantidade muito pequena (2mm) de água cair do céu eu cancelei e deixei de, além de realizar algo extraordinário, proporcionar uma experiência extraordinária para aqueles e aquelas que se juntariam a mim na façanha.


Tudo bem, isto agora já é passado, mas se passamos pelas experiências sem aprender nada estamos desperdiçando a vida e o seu bem mais precioso, o tempo. Por isso escrevo esta reflexão como lembrete para mim mesmo buscando fixar o aprendizado e numa próxima oportunidade que eu tenha, a memória suficiente para resgatar a lição e seguir a minha intuição ou, simplesmente, seguir a regra que eu mesmo criei, faz muito tempo, de aguardar até mais perto para decidir. Que eu tenha a capacidade de com tranquilidade administrar a ansiedade própria e gerenciar a ansiedade alheia.


E se eu decidir continuar e se o clima não ficar realmente bom, eu vou me arrepender? Aí eu vou resgatar outra lição que também escrevi para mim mesmo:


O bom tempo (clima) externo não importa tanto assim, pois experiências na natureza sempre podem ser um tempo de qualidade comigo mesmo, com quem me acompanha, com a Natureza e com Deus.

Então, sim, quase sempre vale a pena abrir mão do conforto físico para alcançar "conforto espiritual". E mesmo que você não acredite em espírito, penso que deve acreditar em sentimentos como tranquilidade, serenidade, coragem e autoconfiança e todos eles podem ser despertados e desenvolvidos nos desafios que a Natureza magistralmente oferece.


Tempo de qualidade, pois sempre que somos desafiados e respondemos com coragem e valor, podemos aprender algo novo, podemos desfrutar o momento mesmo que hajam várias condições externas desfavoráveis. Este desfrutar tem muito a ver (ou tudo a ver) com as condições internas de quem vivencia a experiência. Eu já vi isto acontecendo na minha mente e coração inúmeras vezes e já tive a felicidade de ver nos rostos e corações alheios este mesmo contentamento, esta mesma autoconfiança e este mesmo amor próprio crescendo junto com cada condição externa desfavorável superada. A vitória e seus frutos não surgem repentinamente, não surgem por acaso. A vitória é por definição o triunfo sobre um desafio ou sobre um inimigo. A vitória não é resultado do não errar ou do não perder. A vitória é o resultado do acumulo de inúmeras pequenas vitórias e até das derrotas que sofremos na jornada.

Portanto quem não se desafia, quem não corre riscos, quem não se expõe a algum perigo não saberá o que é a vitória .


Tempo de qualidade pois o contato com a Natureza, já se sabia por tradição e agora avalizado pela ciência, é uma fonte inesgotável de bem estar humano. Nossas mentes funcionam melhor e se equilibram, nosso corpo funciona melhor e se equilibra quando somos inseridos em ambientes naturais mais primitivos por algum tempo e este efeito pode ser sentido e aproveitado por dias.


Tempo de qualidade pois a beleza rústica dos ambientes naturais podem ser e são sempre dignos da contemplação e a contemplação é um portal direto para a alma humana. Quando nossa atenção é impactada e absorvida por esta beleza genuína, singela e magnífica dos grandes cenários ou dos pequenos detalhes podemos experimentar um sentimento de conexão com a Natureza, mas também de conexão com algo em nós que se reconhece e se identifica com esta Potência, com esta Força, com esta Inteligência, com este Algo puro e luminoso que está em tudo.


E se o tempo ficar muito ruim mesmo?

Considero um clima ruim de verdade só aquele que não pode ser gerenciado e superado com esforço e algumas técnicas e, diante disto, possa trazer danos físicos prolongados ao aventureiro ou aventureira. Ou seja que possa comprometer a saúde a médio e longo prazo.

Neste quesito me valho de mais uma reflexão sobre o clima ideal que aprendi observando as crianças. Vocês já perceberam que a medida que envelhecemos, na maioria das vezes, vamos perdendo a tolerância para o desconforto físico. Sim, o frio, o calor, a sujeira, o esforço começam a ser um problema maior e paulatinamente vamos deixando de fazer as coisas, de nos desafiar e nos divertir porque não queremos mais passar pelos pequenos sofrimentos inevitáveis para conquista destes saudáveis prazeres. As crianças, quando não contaminados com nossos melindres, se divertem muito mais em qualquer situação. Você já teve a oportunidade de ver crianças brincando na chuva, na lama, rolando na grama (não se preocupam se dará coceira). Elas esquentam o frio com seus corações ternos, elas brilham em meio a sujeira, elas vivem o momento presente em sua plenitude, elas aproveitam tudo e com isso aprendem com tudo. E eu aqui com quase 50 anos tentando aprender com o ensinamento de todos os sábios que nos precederam que a serenidade, a felicidade só pode ser alcançada no aqui e agora.

Então disse Jesus:

"Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas". (Matheus 19:14)


Tempo na natureza sempre é tempo de qualidade!







162 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo